segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

video


Palestra "Laurissilva da Madeira"

Realizou-se na sala TIC da nossa escola uma palestra sobre a floresta Laurissilva da nossa ilha, protagonizada pelo colaborador Paulo Moniz, do Parque Natural da Madeira. Esta palestra foi ministrada em dois momentos, primeiramente para os alunos do 1º ciclo, e posteriormente para os alunos do ensino recorrente.
Nesta palestra, a audiência teve a oportunidade de ficar a conhecer melhor esta floresta rica em biodiversidade e considerada pela UNESCO em 1999, Património da Humanidade.  

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

video

Exposição "Laurissilva da Madeira" 

Para celebrar o Dia Nacional da Água realizou-se no salão polivalente da Escola uma exposição sobre a floresta Laurissilva da nossa ilha.
Esta exposição foi constituída por 14 painéis informativos, retratando a sua biodiversidade, a sua fauna e flora, meios de preservação e principais ameaças à sua existência. 

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Alguns trabalhos realizados ao longo do 1.º período recorrendo ao aproveitamento e reutilização de materiaisA criatividade e a beleza dos trabalhos dos nossos meninos das salas do pré-escolar.










sexta-feira, 4 de maio de 2012

Os meninos dos 3.º e 4.º anos criaram uma árvore com embalagens tetrapak, para o concurso "Sim, vamos criar uma árvore". Usaram as caixas de leite da escola. Decoraram com partes destas caixas e com outros materiais.


Uma face representa a primavera, com flores, um ninho e um pássaro. Outra face apresenta outras estações, através dos frutos que a embelezam.

Observem!

quinta-feira, 3 de maio de 2012

HORTA GUINÉ



Já conhecem a nossa horta?

Já tiramos de lá algumas alfaces. Contamos em breve cavar batatas...



É lá que também está localizado o compostor da escola, "reciclar" as cascas de frutas e de legumes. Daqui a algum tempo teremos também adubo biológico para a horta e para o canteiro de ervas aromáticas.

terça-feira, 20 de março de 2012

Visita ao Centro de Maricultura da Calheta

No dia 14 de março fomos ao Centro de Maricultura da Calheta. Antes da visita ao centro, vimos um pequeno filme acerca da aquicultura. Ficamos a conhecer as espécies de peixes criadas no centro, a sua forma de reprodução em cativeiro e os tanques usados para a reprodução e o crescimento dos peixes.
Achámos o mero o peixe mais engraçado. É muito bonito, gordo e macio. Se pusermos os dedos na água ele pensa que é comida e morde. Vimos peixes minúsculos e ovas ao microscópio. Visitámos peixes grandes nos aquários.
Conhecemos algas de muitas cores, pareciam pintadas.
Nos gostamos muito da visita, pois aprendemos muitas coisas sobre os peixes. Ficámos a saber que um peixe pode pôr milhares de ovos e que pode mudar do sexo masculino para ao feminino.
Vão visitar o centro de Maricultura para conhecer peixes e outros seres muito interessantes.
Clube da Natureza, 3.º ano

quinta-feira, 1 de março de 2012



Palestra "Biodiversidade"
16 deFevereiro

Nesta palestra nós aprendemos que
“Bio” quer dizer “vida” e “diversidade” quer dizer “muitas coisas”.
O orador da palestra foi o Sr. Paulo
Moniz, colaborador do Parque Natural da Madeira. Ele falou-nos das plantas e
dos animais da Floresta Laurissilva da Madeira.
Em relação à flora ficamos a saber
que existem várias espécies de cogumelos venenosos na ilha e que os mais
bonitos são os mais venenosos. As figueiras do inferno têm uma forma engraçada
de se proteger: provocam comichão a quem as toca. Antigamente, os habitantes da
ilha cortavam os seus ramos, retiravam o líquido do seu interior e usavam-nos
na pesca.
Nós temos espécies variadas de
aracnídeos muito curiosas. O orador falou-nos da tarântula da Madeira é
venenosa e gosta dos terrenos cultivados. É muito bonita mas também muito
venenosa. Fiquem longe!! A manta, o francelho e a coruja são aves de rapina.
Caçam ratos, coelhos e outros animais
para comer. O nosso bis-bis tem cores diferentes dos pássaros doutros locais:
aqui ele tem cores florescentes e muito vivas – tons de verde e de azul. O
nosso pombo trocaz tem uma tarefa muito importante para floresta. Ele come
sementes de plantas e depois vai depositá-las noutros sítios. As suas fezes ajudam
à reprodução das plantas. Por isso ele é chamado “o semeador”.
O nosso mar também é muito rico em
biodiversidade. Tem espécies de animais curiosas e bonitas. Podemos referir o
mero, o peixe-palhaço, o peixe-balão, o peixe-cão, o peixe-papagaio e o peixe-porco.
Se mergulharmos na Reserva Natural do Garajau podemos observar estas e outras
espécies.
A palestra foi muito interessante!
Clube da Natureza - 4.º ano